Grupo GMAD
Você está em:
Loja Madeireira Palowa
(31) 3394-7722

Blog Dicas

Ana Paula Soares – Mais Marcenaria

Nossa entrevistada é a Ana Paula Soares, designer e proprietária da Mais Marcenaria. Filha de marceneiro, se formou em educação física, mas a paixão pela marcenaria falou mais alto e após trabalhar um período com o pai, fez o curso de design de móveis e abriu seu próprio negócio em 2013.

  • Você adotou soluções inteligentes para o destino do seu resíduo. Conta para gente.

Desde que comecei a trabalhar na marcenaria, ficava incomodada com as sobras de material, que, de tempos em tempos era cortado e colocado na coleta municipal normal. Um material tão rico, sendo jogado fora não me parecia algo muito inteligente. Então, fiz uma peça com as sobras de um serviço e dei de brinde para minha cliente. Ela ficou encantada com a peça e com a delicadeza do presente. Foi quando decidi que poderia criar peças decorativas com as sobras para comercializar.

  • Então você comercializa as peças feitas com resíduos?

Comercializei  em  2015 e 2016,  em loja no shopping exclusivo para móveis, em São Paulo, mas fechei a loja porque o shopping passou a atender todos segmentos, o que para nós não foi bom.

  • Durante o período de comercialização, obteve lucros satisfatórios?

Sim, em 2016 este projeto teve relevância no faturamento da marcenaria, especialmente porque foi uma forma de mostrar a qualidade do nosso trabalho, mesmo em peças pequenas. Por conta disto, surgiram projetos grandes para a marcenaria.

  • Você pretende retomar a comercialização destes produtos?

Sim, estou analisando se abrirei nova loja física ou somente virtual, pois me falta espaço para armazenar as peças. Mas continuo presenteando meus clientes, criando peças com as sobras dos seus projetos.

  • Você disse que ficava incomodada com o descarte normal dos resíduos. Por quê?

Porque sempre percebi que jogar fora as sobras era um grande prejuízo ambiental.

  • Você reaproveita só resíduos de madeira ou também químicos, como tinta?

Basicamente tudo: madeira, MDF, compensado, laminados em geral até folhas de madeira, fitas de borda, paletes, mostruários que saem de linha, azulejos, pastilhas, vidro, espelho, papel de parede, tecido, portas e janelas velhas, tinta, etc.

  • De alguma forma seu projeto com resíduos beneficia a comunidade?

Sim. Não só pelo fato de não terem o lixo na marcenaria exposto, mas sempre que posso envolvo a comunidade. Fiz nichos e levei numa ONG que tem jovens artistas e deixei-os aplicarem o acabamento que quisessem, deixando fluir a criatividade.

  • Seus projetos são feitos 100% com resíduos?

Nem toda peça eu uso só sobras, em algumas eu compro um rodízio, ou puxador, por exemplo, enfim, ferragens necessárias para a funcionalidade ou para dar maior elegância à peça.

  • O que diria para as marcenarias que não sabem qual destino dar para seus resíduos?

O mundo está se conscientizando de que não podemos utilizar os recursos naturais desenfreadamente, sem consequências. Não cai bem para nenhuma empresa, ter comportamento que não seja voltado à sustentabilidade. No setor de marcenaria, é muito fácil darmos a nossa contribuição, basta usar um pouco de criatividade e encontrar uma forma de transformar ou doar, veja o que melhor se encaixar no seu negócio.

Leia também

quem-tem-um-parceiro-tem-sorte-promocao-gmad-2019

Quem tem um parceiro tem sorte – Regulamento da promoção

CERTIFICADO DE AUTORIZAÇÃO SEAE No 05.000856/2019 1 – EMPRESAS PROMOTORAS: Empresa Mandatária:
Razão Social: ASSOCIACAO DAS EMPRESAS DO GRUPO GMAD
Endereço: GAL CARLOS CAVALCANTI Número: 585 Complemento: SALA 03 Bairro: UVARANAS Município: PONTA GROSSA UF: PR CEP:84025-000
CNPJ/MF no: 14.066.270/0001-00 2 – MODALIDADE DA PROMOÇÃO: Assemelhado a Vale-Brinde. 3 – ÁREA DE ABRANGÊNCIA: Rio Branco/AC Manaus/AM Feira de […]

praticas-de-gestao-de-negocios-podem-transformar-um-time-de-futebol-gmad

Práticas de gestão de negócios podem transformar um time de futebol?

Há muito vemos o mundo corporativo encharcar-se de inspiração ao contratar palestras de profissionais do esporte a fim de extrair lições que possam sacudir as práticas de gestão e liderança. E o contrário? Vale? O Jocelito Canto e Paulo Balancin, gestores do Clube, acreditaram nisso ao vislumbrar num dos empresários da sua comunidade um perfil pragmático, comprometido e orientado para resultados. […]

Aguarde...

Infomad GMAD

Ao preencher esse cadastro, o incluimos em nosso mailling para receber noticias GMAD. Não substitui o cadastro solicitado pela loja no ato da compra.